Série: Orphan Black


Hoje eu vou falar da série que eu demorei milênios para assistir, mas quando o fiz, me conquistou logo no primeiro episódio - e entrou pra minha lista de favoritas. 

Orphan Black é uma série de ficção científica que estreou em 2013, tendo como temática a clonagem humana. A trama se inicia quando uma jovem, Sarah Manning, presencia o suicídio de uma mulher muito idêntica a ela mesma - e decide assumir sua identidade, descobrindo inúmeros mistérios que cercam sua própria vida. A série já conta com três temporadas completas e a quarta será lançada em 2016. 


Falar dessa série é um pouco complicado pra mim, porque realmente fazia tempo que eu não assistia algo novo pelo qual eu me apaixonasse tanto. Desde o primeiro episódio eu fiz maratona dela, não queria sair de casa para não deixar de assistir, vi muitos episódios seguidos (o máximo foram oito sem intervalo, hajuhajhu) e terminei as três temporadas em menos de dez dias. 


Orphan Black é simplesmente genial - tem uma premissa muito interessante e original e a trama é conduzida com maestria. Cada ep parece um season finale - não há um sem novas descobertas ou novos mistérios surgindo, é muito emocionante e a curiosidade é aguçada ao extremo assistindo. 


Apesar da série ter muitos personagens, eles são bastante aprofundados, complexos, tem suas próprias histórias e não são estereotipados. 

Impossível falar de Orphan Black sem comentar sobre a atuação incrível da Tatiana Maslany, atriz que interpreta todos os clones (e não são poucos não!). Além das mudanças na aparência por conta do estilo pessoal de cada personagem, a postura corporal, o tom de voz e até o sotaque dos personagens mudam, e isso é incrível. Mesmo quando, por exemplo, o clone 1 se passa pelo clone 2 na trama, ainda assim a atuação é diferente da Tatiana interpretando o clone 2. 


Incrível mesmo é a quantidade de mistérios e novidades que a série consegue trazer, nunca cansando o telespectador ou se tornando repetitivo. Em cada temporada há elementos novos e novos mistérios a serem resolvidos. Os personagens secundários também são muito bem trabalhados. O ritmo da série é muito intenso mesmo, quem gosta de bastante ação e tramas agitadas vai adorar.


Na segunda e na terceira temporada a série também consegue trazer bastante humor em alguns núcleos, o que seria impensável para uma trama de ficção científica em que os personagens principais estão em constante risco de morte. Me surpreendi com a capacidade que Orphan tem de fazer você se apaixonar pelos personagens e se apegar à eles, mesmo aos quais inicialmente não se gostava. Meus preferidos são Cosima, Helena e Félix mas eu sinceramente adoro todos, hhujajhua. Incrível o crescimento de alguns personagens na trama também, como a própria Helena ou o Donnie na segunda e terceira temporada. 


Não preciso nem comentar que a série tem uma ótima representatividade feminina, né? E todas as mulheres da série são incríveis. Eu me sinto meio besta só falando coisas positivas sobre ela, mas é que eu realmente não encontrei nenhum defeito na série, mínimo que seja - fora o fato de ter apenas 10 episódios por temporada, com média de 40min, porque podiam ter uns 30 eps no mínimo HUAHHUA 

Acredito que no meu ranking de séries preferidas Orphan Black foi a única que se aproximou de Bates Motel, mas eu realmente não sei se continuo achando Bates minha série preferida... Só vou conseguir resolver esse dilema quando assistir a quarta temporada de ambas, só ano que vem. Mas por enquanto considero-as empatas no primeiro lugar das minhas séries preferidas. 


Então, para fim de conversa, assistam essa série maravilhosa, até hoje não vi uma única pessoa reclamando dela. Quem ama ficção científica vai adorar, e quem não ama também, porque afinal de contas, não fica só nisso - tem muito drama, ação e suspense também. 

Você pode assistir as três temporadas já concluídas online no MegaFilmes

E então, o que me dizem? Já assistiram Orphan Black? Vão dar uma chance pra ela? Comentem ^^

8 comentários:

  1. Realmente a série é incrível, mas eu tenho uma ressalva. Como bem sabemos, uma única atriz faz praticamente todos os personagens da série. Acho incrível, beleza, ótima atriz. Mas cansa um pouco ver a cara dela. Além disso, a primeira que conhecemos não se parece com a primeira imagem que temos dela. Acho que queria ver mais daquela rebelde...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Regina! hahaha isso é verdade, mas eu sinceramente não me canso dela, e adoro os personagens coadjuvantes, como o Felix, que acaba roubando a cena mais que as clones, em algumas partes. E elas são diferentes (as personagens) que às vezes nem me dou conta de que são a mesma pessoa - não consigo assimilar a Helena com aquele sotaque russo sendo a mesma atriz que faz a Alisson, por exemplo huahahuha. Sobre a Sara, não achei que ela mudou, só que amadureceu um pouco por causa das circunstâncias mesmo - o risco de morte pra ela e o perigo que a própria filha dela corre na trama.
      beijos

      Excluir
  2. Genial é pouco pra descrever essa belezura de série!
    Comecei a assistir só agora também e já terminei todas as temporadas (é, eu sei, não devia ter feito isso porque a próxima temporada é só ano que vem...).
    Todas as clones são demais! A minha preferida é a Cosima, me identifiquei imediatamente: também sou graduanda cientista e apaixonada por biomol, imuno e genética <3
    xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Adeisa! Incrível, né? Sou apaixonada, não vejo a hora da quarta temporada iniciar também rs. Af, a Cosima é um amorzinho <3 Na primeira temporada ela roubou meu coração completamente, mas achei que a personagem estagnou um pouquinho nas outras duas... e a Helena cresceu tanto que acabou se tornando minha preferida <3
      beijão

      Excluir
  3. Eu não sou muito ligada em séries de ficção cientifica, mas vou seguir sua dica haha sou mais supernatural, the vampire diares e etc

    http://eukarolinemoura.blogspot.com.br/2015/10/bem-vindos-ao-blog.html?m=1

    Assista a "Bem vindos ao canal!!" no YouTube
    https://youtu.be/XbYfiPZKF4k

    ResponderExcluir
  4. Achei a proposta dela sensacional pelo que você contou!
    Com certeza darei uma chance, mas só quando ela for finalizada... hsuahsua (eu e meu problema com séries...)
    Adorei a resenha!
    bjin

    http://monevenzel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mone! Ela é, acredite hahaha Espero sinceramente que ainda demore alguns anos pra acabar, porque olha, essa série ainda dá muito pano pra manga huahhu
      beijos

      Excluir
  5. Bruu, adorei o post. Fiquei interessadíssima em assistir.
    Me tira uma dúvida, as personagens também conseguem sentir as mesmas emoções como em Sense8?
    É que, sabe, sou apaixonada por Sense8 graças a sua indicação!
    Beijo!

    ResponderExcluir

♥ Não comente se não tiver lido a postagem, spams são desrespeitosos e serão imediatamente excluídos ♥
♥ Você tem um blog? Deixe seu link ao final do comentário, vou adorar conhecê-lo ♥
♥ Sua opinião é muito importante e eu sempre quero lê-la, aqui você pode discordar sempre que quiser - mas mantenha o respeito ♥
♥ Os comentários sempre são respondidos, mesmo que demore alguns dias. O blogger não avisa quando alguém responde seu comentário, para receber a resposta é necessário marcar a caixa "notifique-me" quando for escrevê-lo ♥

Fanpage | Instagram | LookBook.nu

Tem alguma dúvida ou sugestão?
Você pode entrar em contato comigo pelo e-mail chanelfakeblog@outlook.com